27 de jun de 2016

Estágio de Ações Especiais da GCM de Jandira é realizado no RJ

Nenhum comentário :

Dando continuidade no curso de Ações Especiais Policiais, a GCM de Jandira realizou entre os dias 13 ao dia 19 de junho um estágio no Comando de Operações Especiais da PMERJ, no GIT/ SEAP e no BOPE.

No estágio de aplicações táticas que teve inicio no COE, os alunos tiveram as seguintes aulas: Instruções de tiro tático( fuzil 762, para-fal, CTT.40 e pistola ), APH, Terrorismo, Instrução tática individual, Artefatos explosivos e bombas, desmontagem e montagem de armamento, abordagem a veículos, técnicas policiais de abordagem. Resgate de feridos, instrução de tiro com fuzil e pistola entre outras instruções.

No dia 18 o grupo participou de um treinamento com um dos maiores operadores de segurança Pública do Brasil "Andrade Combat" o instrutor que é o comandante do Grupamento de Intervenção Tática- GIT SEAP/RJ que também é um dos principais instrutores da CORE. A instrução prisional ocorreu no Grupamento de Intervenção Tática do RJ. Foram ministradas aulas sobre o Sistema Penitenciário, Tecnologia Não Letal, tiro tático com pistola, manuseio da espingarda cal 12, instrução com o lançador AM 600 e intervenções táticas prisional.

Finalizando os módulos, as instruções se encerram no Batalhão de Operações Especiais BOPE. O primeiro estágio da GCM de Jandira foi realizado em outubro de 2008, na época foi a 1ª GCM a participar de tal treinamento. Depois de 08 anos a equipe retorna na unidade que forjou os operadores da GCM mantendo a tradição de buscar sempre instruções de especialização. A GCM de Jandira é a única GCM do país que de forma institucional realizou tal tipo de treinamento no BOPE e agora no Comando de Operações Especiais. 

O turno de alunos segue de volta para SP e dos 38 módulos já foram concluídos 21 na formação de operadores em ações especiais.

25 de jun de 2016

PRAZO DE ADEQUAÇÃO DA LEI 13022/2014

Nenhum comentário :

Suspeito fica ferido em troca de tiros com a Guarda Municipal de Limeira

Nenhum comentário :
Homem tentava roubar farmácia quando foi abordado pela corporação. Ladrão foi atingido no braço e está internado em hospital sob escolta policial.

Um suspeito ficou ferido durante uma troca de tiros com a Guarda Municipal, na noite de quarta-feira (22), no Jardim Aeroporto, em Limeira (SP). De acordo com a corporação, o homem foi abordado quando tentava roubar uma farmácia. O criminoso atirou nos agentes, mas foi atingido no braço. Outro assaltante que estava com ele conseguiu fugir em uma motocicleta.

Ainda segundo a Guarda, o homem foi levado para a Santa Casa de Limeira com ferimentos leves, já que foi atingido apenas de raspão, e está internado sob escolta policial. Nada foi levado da farmácia e os guardas municipais não ficaram feridos. Não havia clientes na farmácia no momento da tentativa de roubo.

http://g1.globo.com/sp/piracicaba-regiao/noticia/2016/06/suspeito-fica-ferido-em-troca-de-tiros-com-guarda-municipal-de-limeira.html

PRF empresta 50 coletes a prova de balas para a Guarda Municipal

Nenhum comentário :

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) emprestou 50 coletes a prova de balas para a Guarda Municipal de Foz do Iguaçu, que no último dia 22 precisou recolher os equipamentos dos servidores por estar com o prazo de validade vencido. O empréstimo foi concedido pela Superintendência da PRF em Curitiba e chegou nesta sexta-feira (24) a sede da GM, na avenida Costa e Silva. 

O secretário municipal de Segurança Acacildo da Silveira Santiago afirmou que o número de coletes será suficiente para atender a demanda de servidores que atuam nas ruas – cerca de 160 dos 255 no total. “São cerca de 35 guardas por turno de seis horas. 

Utilizaremos o equipamento em forma de revezamento. Quando um servidor assume o serviço, pega o colete do companheiro e assim sucessivamente. Desta forma, atenderemos todo o efetivo externo”, explicou. (ThaysPetters /Fotos: Roger Meireles).




http://gazeta.inf.br/prf-empresta-50-coletes-a-prova-de-balas-para-a-guarda-municipal/

23 de jun de 2016

GCM de Limeira é a quarta mais produtiva do Estado

Nenhum comentário :
A Guarda Civil Municipal de Limeira é a quarta em volume de registros de ocorrência do Estado de São Paulo entre municípios com corporação. No ano passado, a GCM registrou 1.311 ocorrências, ficando atrás apenas de Barueri (1.550), Campinas (1.550) e a cidade de São Paulo (3.836). Foi a primeira vez que a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP) divulga dados separados por corporação. A produtividade da GCM de Limeira ficou a frente de cidades da região, como Piracicaba (1.161), Americana (1.080), Paulínia (964), Mogi Guaçu (736), Santa Bárbara d´Oeste (710).

A ação focada e rápida da GCM permitiu que o taxista Adir Fernandes da Silva, 55, recebesse seu veículo Prisma de volta somente duas horas após o roubo do mesmo. Ele trabalhava no ponto do Terminal Rodoviário de Limeira, por volta das 20h, quando recebeu uma chamada para buscar passageiro no Jardim Bela Vista, mas logo que as duas pessoas entraram no carro foi anunciado o assalto. O homem que estava no banco de trás do carro encostou o que seria uma arma na cabeça do motorista. Ele foi deixado a pé e sem celular no bairro Lagoa Nova. Os ladrões ainda levaram R$ 250 do taxista.

“Logo que achei um telefone, liguei para meu filho que foi me buscar com outro carro. Quando ele chegou, eu peguei o celular dele e liguei para um guarda conhecido, que passou para a Central de Operações Integradas (COI) que localizou o carro. Também liguei para a PM que disse que já tinha sido avisada pela Guarda”, diz Fernandes da Silva.

O carro foi localizado e os suspeitos presos em aproximadamente duas horas. Com exceção do taxímetro que foi quebrado, tudo foi recuperado. Inclusive o dinheiro da vítima, o que foi um alívio porque o veículo foi comprado com subsídio federal e com o roubo o taxista ficaria sem poder comprar outro carro.

“A Guarda é excelente. Não quero desfazer das polícias, porque todas são muito boas, mas quem serve os taxistas aqui na rodoviária é a Guarda. Toda vida foi assim”, explicou o taxista.

Nova polícia

Desde 2014, a lei federal n. 13.022/14 institui as normas gerais das guardas municipais, que vão desde a preservação da vida, patrulhamento preventivo, compromisso com a evolução social da comunidade e uso progressivo da força.

“Antes, não tínhamos o dispositivo legal para fazer o trabalho policial, além disso a nova lei estabelece o repasse de recursos pelo Governo do Estado para as guardas”, diz Maurício Queiroz, secretário municipal de Segurança Pública e Defesa Civil.

Para o secretário, os números demonstram a capacidade que as guardas têm para ajudar na segurança do cidadão. “A Guarda é acionada para todos os tipos de ocorrências das mais simples às mais complicadas, sendo que muitos atendimentos não geram ocorrência”, diz o secretário.

Desde 2013, a GCM de Limeira vem recebendo investimentos que vão desde o aumento do efetivo até a implantação do sistema de monitoramento eletrônico Muralha Digital. No início da gestão do prefeito Paulo Hadich, a GCM tinha apenas uma viatura em funcionamento e o restante da frota no conserto. Atualmente, a Corporação utiliza viaturas locadas, que são substituídas em caso de avarias, o que significa que o patrulhamento não para. Além disso, por força de contrato, a empresa realiza manutenções preventivas e corretivas periodicamente. “Com esse sistema de locação de viaturas, a empresa que fornece o serviço mantém a viatura em condições de uso e ainda responde por todas as adaptações necessárias para o uso policial”, diz Queiroz.

Nos últimos quatro anos, a GCM de Limeira implantou sistema de rádio digital criptografado, 50 pistolas foram adquiridas, além de uniformes. Os guardas também passam por treinamentos e capacitações periódicas e o centro de formação da GCM de Limeira é considerado referência na formação de guardas municipais.

Outra ação estratégica do comando da corporação foi o trabalho policial integrado com Polícia Militar e Polícia Civil, o que racionaliza e otimiza o uso das forças policiais do município.

“Até a ligação para o 153 da Guarda, que antes era paga, foi transformada em ligação gratuita para ajudar a população a ter acesso à Guarda”, informou o secretário.



Estatística

No ano de 2013, a Guarda Municipal de Limeira registrou 931 ocorrências. No ano seguinte, com o início dos investimentos da reestruturação da Corporação, houve aumento de 66,6% no número de ocorrências, saltando para 1.551 registros no ano. Já ano passado, 1.311ocorrências.



Números estaduais

As guardas municipais paulistas existem em 211 municípios e reúnem um efetivo de 30 mil homens e mulheres. Os dados mostram que em 2015, as GCs apresentaram a distritos policiais 56.296 ocorrências de todos os tipos, sendo que 7.765 delas foram flagrantes – média de 4.000 ocorrências e 560 flagrantes/mês.

Nos números gerais do Estado, foram 2.981 casos de localização/apreensão de veículos, 2.839 casos de localização/apreensão de objetos; 1.240 ocorrências de captura de procurado da Justiça. Outro dado interessante é a alta produtividade de algumas corporações – 63,21% de todas as ocorrências registradas por Guardas Civis no Estado foram realizadas por 28,9% das corporações.




http://www2.portalnovidade.com.br/gcm-de-limeira-e-a-quarta-mais-produtiva-do-estado/